terça-feira, 1 de junho de 2010

Para terminar



Caríssimo Carapau


Foram sete meses certinhos, sem (literalmente) tirar nem pôr. Vim de lá de todas as cores e com mais do dobro do tamanho. Por todo o lado para onde me virava, havia sempre algo que me impedia o alívio. Não querendo incumprir o estabelecido e correr o risco de ser comparada ao povo Camussumbe, até consultei um afamado médico, procurando uma solução para o meu problema.
Depois de muita investigação, disse-me que nada podia fazer por mim. Ainda se fosse uma doênça na bichiga... mas não era e ele, essas partes do corpo não tratava.
Se algum dia fores a África, não hesites em consultar o afamado cientista.

6 comentários:

Vício disse...

mesmo com essas especialidades todas ainda fica aquém daquele que teve 2 filhos com uma mulher sem útero...

maria teresa disse...

Esse era preciso cá! Endireitava esta .... toda! Será???

Calendas disse...

Vício: isso é que foi cá uma potência!

Teresa: acho que nem assim. Isto está que já não se endireita.

AVOGI disse...

Doença de bichiga-sexual? uau temos sexo ...na bichiga? está deveras interligado?kis :):)

cantinhodacasa disse...

Gostei do pormenor Mateus 7.7...Será segundo o Evangelho segundo São Mateus?

Carapau disse...

Nem de propósito!
Sou fã destes Mestres, Profs, Endireitas, Macumbeiros,Videntes,Aldrabões & Afins.
Tenho mesmo uma colecção dos cartões de visita que regularmente me caiem na caixa do correio e ainda há dias um destes distintos Mestres me entregou em mão o seu cartão. É certo que são mestres mais evoluidos,que já nem tratam Rimatismos nem emoragias, mas de resto são também experts em quase tudo.
Claro que a base do negócio é tratar de desamores e de endireitar o que está torto. E parece-me que é nesta área que eles recolhem os maiores proventos.
Por isso não me venham dizer que eles não endireitariam "isto"...